Você pode salvar uma vida, inclusive a sua.⠀CVV Centro de Valorização à Vida - disque 188. Toda vida vale a pena!⠀
#SetembroAmarelo
Rápido Você já ouviu Falar fazer Setembro Amarelo?


“Já choramos muito, muitos se perderam no caminho, mesmo assim não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer sol de primavera.” (Beto Guedes – Sol de Primavera).


Por falar em quando entrar setembro, setembro já entrou e a boa notícia anda nos campos, a lição sabemos de cor, só nos resta aprender com o CVV.

Muitos se perderam no caminho porque desanimaram, porque desistiram. Alguns até tentaram e conseguiram dar fim à própria vida.
Outros tantos não lograram esse êxito; infinitamente muito mais em quantidade, entre os milhares que pararam de ver razões no jogo da vida, pararam de tentar, desistiram, mas apenas se permitem continuarem vivos feito vegetais.

Então inventamos antes do outubro rosa, do novembro azul, o setembro amarelo. Inventamos virgula, o CVV
Glorioso inventou. E nós cerramos fileira ombro a ombro nessa causa tão nobre, tão de todos.

Você conhece a campanha do Setembro Amarelo? Ela é muito importante para ajudar atembro amarelo combater a tendência ao suicídio, que ainda é um assunto considerado tabu.⠀

No processo terapêutico, em consultório, sabemos que o suicídio como um fenômeno complexo, multifacetado e de múltiplas determinações, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, classes sociais, idades, religiões orientações sexuais e identidades de gênero.
Mas o suicídio pode ser prevenido!

Saber reconhecer os sinais de alerta em si mesmo ou em alguém próximo a você pode ser o primeiro e mais importante passo.
Por isso, fique atento(a) se a pessoa demonstra comportamento suicida e procure ajudá-la.

É importante nos conscientizarmos e começarmos a falar abertamente para ajudar aqueles e aquelas que possam estar passando por momentos difíceis.
O Setembro Amarelo é uma Campanha do Centro de Valorização da Vida que tem como objetivo realizar uma Prevenção Ao Suicídio e a Conscientização da População Sobre Esse terrível Problema.



Como você pode colaborar com a Campanha?



Não é necessário estar ligado a nenhuma Instituição para ajudar o setembro amarelo.
Apenas faça algumas pequenas perguntas espontâneas por iniciativa própria nos seus grupos sociais: Família, amigos, universidade, Trabalho. Isso já é o bastante, pois pode ter grande impacto na conscientização.

Outras ações são comumente realizadas como o uso de Informações disponíveis e trajar roupas amarelas durante o mês, mensagens nas redes sociais, e assim vamos crescendo com o tempo nessa direção.

Porém, o mais importante de tudo isso é dar suporte, escutar ativamente as pessoas e recomendar ajuda médica e terapêutica no caso da pessoa estar dando algum sinal de pensamento suicida.




Como saber se uma pessoa ESTÁ pensando em dar fim à própria vida?




Segundo o CVV, a pessoa que pensa em cometer Suicídio pode dar Alguns Sinais Como:

- Diz Coisas Como “eu preferia Estar morto”, “eu sou um perdedor e me sinto um peso para os outros”, “os outros vão ser mais felizes sem mim”, “queria

Poder viajar e nunca mais voltar”;

- Abandonam passatempos (lazer) sem substituição por outro;

- Apresentam desleixo repentino com a Saúde, Higiene Pessoal e aparência;

- costumam ISOLAR-se;

- Tem Mudança abrupta de Comportamento (o extrovertido se tornar introvertido e vice-versa);

- Alterações Constantes de humor (euforia x tristeza).


Por isso, é super importante estar atento, falar abertamente sobre o assunto e novamente: recomendar a busca de Ajuda médica e terapêutica.


]

Importante:



Embora o CVV seja uma entidade reconhecida e top no atendimento por telefone e tenha evitado alto índice de suicídios com isso, ele mesmo recomenda que ao identificar sinais de pensamento suicida e necessidade imediata de suporte psicológico, apenas uma terapia on-line não é suficiente, por isso não recomendada.
Busque ajuda presencial próxima a você o mais rápido possível.

MAIS INFORMAÇÕES Sobre o Setembro Amarelo rápido Você Encontra em: https://www.cvv.org.br .


Sabe de uma coisa? Digamos que você está embarcando numa aeronave e durante o voo a comissária de bordo ao explicar os Procedimentos de Segurança diz:

“Em caso de pressurização, antes de ajudar alguém, coloque a máscara de oxigênio primeiro em você, depois ajude os outros.”

Não é á toa! Para poder ajudar os outros é imprescindível cuidar da gente primeiro.

Quando falamos em suicídio, estamos falando em saúde mental.

E quando falamos de saúde mental, cuidar da nossa autoestima é o básico para termos condições de ajudar os outros!






0 Comentários