Continuação do post DE ONDE VEM O CONHECIMENTO 1, Epistemlogia aplicada à Educação.


        Hoje em dia como podemos perceber que o empirismo seja uma concepção de abordagem epistemológica presente no ensino e aprendizagem, bem como na apropriação do conhecimento pelos professores?

        Para Hessen a maioria dos racionalistas eram matemáticos, já os empirista eram em sua grande parte ligados às ciências naturais, campo onde a experiência da observação é fundamental no processo de construção do conhecimento. “
        É muito natural que alguém, trabalhando principal e exclusivamente de acordo com esses métodos das ciências naturais, esteja inclinado a colocar os fatores empíricos acima dos racionais.


       Se o epistemólogo de orientação matemática chega facilmente a encarar o pensamento como única fonte de conhecimento, o filósofo provindo das ciências naturais estará inclinado a considerar a experiência como a fonte e o fundamento de todo o conhecimento humano.

        O empirismo tem sua importância na história da epistemologia humana. Sua importância está ligada à oposição ao da concepção racionalista, isto é, o extremismo de considerar somente a razão como fonte de construção do conhecimento. 

        Isso também não quer dizer que o extremo oposto de concepção empirista esteja isenta de críticas e limitações. O conhecimento será sempre uma relação racional e experiencial entre o sujeito e o objeto.

0 Comentários