A Constelação Familiar  é um convite para trilharmos juntos um caminho de amor e compreensão para dentro das complexidades do nosso sistema familiar.

                               
        Conhecer as “ordens do amor” é uma meta essencial para evitarmos muitas crises e enfermidades que vivemos em virtude do desconhecimento das leis naturais que regem os nossos sistemas familiares e sociais.

           Seis importantes ordens e princípios

        Cada membro de uma família pertence tem direitos e responsabilidades igualmente dentro dela.

        Cada família tem um vínculo interno muito forte, a despeito do quão desunida ela pareça quando olhamos de fora.

       Todos os membros de uma família merecem atenção. Se alguém é expulso, ele será representado por um membro que nascer mais tarde, o qual poderá impor a si mesmo um destino similar.

       A morte precoce de um membro da família tem um forte efeito sobre todo o sistema. Uma inclinação para morrer advém nos irmãos do morto, devido a suas conexões com ele.

      Isto é expresso através dessa frase:
     “ Eu seguirei você”.

     Se alguém carrega algo assim e mais tarde tem filhos, estes percebem isto e tentam aliviar os pais. Isto é expresso pela seguinte frase:

    “Melhor eu do que você”. Esta inclinação para a morte se mostra através da doença e de comportamentos perigosos (esportes radicais, uso de drogas).

       Crianças tomam sentimentos de outros membros da família. Isto ocorre de dois modos: ou elas compartilham fortes sentimentos de outros membros da família ( elas ajudam a carregar estes sentimentos por assim dizer ), ou elas tomam para si sentimentos não expressos.

       Por exemplo, uma avó submissa é abusada fisicamente por seu marido. Ela tem então uma neta que por sua vez fica enraivecida com seu marido por nenhuma razão aparente. Na constelação familiar torna-se claro que a neta carrega a raiva de sua avó.

        As crianças são leais aos seus pais (pai e mãe). As crianças quase sempre lidam com seu próprio  destino de modo a impedir que elas mesmas tenham um destino melhor que o de seus pais. Devido a esta lealdade elas tendem a repetir o destino destes pais e seus infortúnios.

        Há uma ordem na família que precisa ser respeitada. A pessoa que vem primeiro, seja um irmão ou um parceiro, toma o primeiro lugar.

        Os outros seguem esta ordem cronológica. Estes lugares precisam ser respeitados sem julgamento ou valorização, apenas percebidos como são.
      
        Há uma certa organização espacial básica que é preferível. Há uma ordem básica na qual todos os membros de uma família se sentem bem, desde que se garanta que todas a conexões negativas tenham sido resolvidas.

        Nesta ordem os pais ficam à frente de seus filhos com o pai ficando no primeiro lugar e a mãe seguindo no sentido horário a ele (quando olhamos de cima). 

       As crianças devem ficar olhando seus pais seguindo o sentido horário de acordo com sua ordem cronológica do mais velho para o mais novo.


0 Comentários