tudo o que você quer atingir, seja um bom estado físico, um bom estado financeiro, seja qualquer outra coisa que você queira conquistar na vida, vai envolver algum tipo de dor, vai exigir sacrifícios. 
                          Resultado de imagem para João Paulo 2

        Estudei muitas biografias na vida. E no ano 2000 escrevi um livro que virou CD contando a vida do Papa e Santo João Paulo II, o grande arcebispo de Cracóvia, Karol Woytila.

         Confesso que contanto tudo e todos que vi, incluindo até a minha própria vida, a alma mais resiliente que já pude abraçar foi a dele.

          Não se vê uma fé e uma capacidade de renúncia com alegria e santidade como ele, em todos os passos de sua sofrida história pessoal. Que perseverante! Que resiliente!

         O que mais acontece no dia a dia é presenciarmos as pessoas desistirem de seus sonhos por qualquer motivo pequeno, fútil, banal. 

        Elas resolvem empreender, mas se no primeiro ano não der dinheiro, elas desistem e ainda colocam a culpa pelo seu fracasso na economia, nos outros, no governo, e assim por diante.

        Se o indivíduo trabalha em uma empresa e não consegue subir na carreira, não consegue ganhar dinheiro suficiente, ele alega que o problema está no patrão, ou na empresa. E então muda de emprego.

        As pessoas são muito imediatistas, não são resilientes, não entendem que não existe a fórmula mágica do resultado rápido. 

        O que estou trazendo para você é um conjunto de atitudes, ações e estratégias.
        Resiliência significa a habilidade de superar obstáculos, suportar as dores, resistir às adversidades e continuar, mesmo depois de um fracasso, depois de uma perda.

         Um dos grandes fatores que levam ao sucesso é a resiliência, isto é, a capacidade do indivíduo de fazer uma rápida adaptação às novas circunstâncias ou de recuperação diante de um erro ou de uma situação contrária ao que ele busca.

         Podemos dizer também que resiliência é a nossa capacidade de nos recobrarmos ou de nos adaptarmos à “má sorte” ou às mudanças. 

         Ser resiliente é ter a habilidade de superar obstáculos, resistir e lidar com a dor, reagindo de modo positivo em situações adversas.

      "Certa vez, num seminário com o palestrante canadense Brian Tracy, considerado um dos maiores coaches do mundo, alguém anotou no site "O SEGREDO" que ele disse que era coach de atletas de alta performance, e que um deles disputava o triátlon, uma prova esportiva que une três modalidades diferentes – ciclismo, natação e corrida – que devem ser realizadas de modo ininterrupto. 

       Mais exatamente, aquele atleta era o que mais vezes fora campeão no Ironman, disputado no Havaí, uma modalidade de triátlon de longas distâncias, que exige muito dos atletas em termos de preparo físico e resistência para completar a prova.

     Brian disse que, certa vez, perguntou àquele atleta qual era o segredo para que ele vencesse tantas vezes aquela prova. 

      E ele respondeu de forma muito simples:

      “Enquanto muitos desistem no meio do caminho, eu continuo suportando a dor. Administro minha dor e sigo em frente.”

       O que isso tem a ver com os negócios, com o fato de alguém ser bem sucedido ou fracassado? 

      É simples: em qualquer situação, no meio do caminho se pode encontrar muitos obstáculos e passar por eles repetidas vezes; vai doer deveras, mas vai passar, claro que vai. 

      Fracassar dói, não conseguir superar um obstáculo dói, não ter resultado imediato traz dor, errar, perder, fracassar, gastar tempo e energia e não ver resultados, tudo isso dói. 

      Por isso, as pessoas que conseguem chegar ao topo da escalada  são aquelas que conseguem resistir a essa dor. 

      As pessoas que vencem são as que, mesmo à frente dessas adversidades, conseguem continuar, seguir em frente.
  
      Existe um pensamento em inglês que expressa bem essa ideia: “no pain, no gain”, que significa “sem dor, sem ganho”. Ou seja, tudo o que você quer atingir, seja um bom estado físico, um bom estado financeiro, seja qualquer outra coisa que você queira conquistar na vida, vai envolver algum tipo de dor, vai exigir sacrifícios. 

     E você tem que estar preparado para suportar essa dor. Ou seja, é preciso ser resiliente.

     Resiliência: a arte de superar obstáculos e suportar dores.

0 Comentários