Dizem alguns especialistas que quem não dorme pelo menos  6 horas toda noite pode engordar 1 kg por semana.  
Será?

       
       É verdade sim, vamos ver como. 

      Aproveite e analise a sua rotina e faça as mudanças que perceber necessárias para que o sono não se torne um luxo para você, mas, antes, uma absoluta prioridade de preservar a saúde física, mental e emocional!

       São muitos os prejuízos para quem não mantém uma rotina de sono: diminuição da imunidade, problemas cardíacos, problemas dermatológicos, instabilidade emocional, entre muitos outros. 

      Entre os muitos outros prejuízos da irregularidade no sono está justamente um vilão temido e vaiado de norte a sul do universo: o ganho de peso.

      Vivemos numa rotina danada. Estamos sempre correndo contra o relógio para atender aos nossos compromissos profissionais, sociais, familiares, cívicos, religiosos, sempre da melhor maneira possível. 

      Nessa pressão para cumprir todas as demandas, acabamos negligenciando nossa própria saúde.

      Nossa geração não dorme direito, e nossos corpos pagam esse preço com juros e correção monetária. A falta de sono e suas consequências para a saúde são pauta de muitos estudos científicos, e apesar de não saberem exatamente quanto peso extra uma noite de sono pode render,  há uma importante descoberta: noites mal dormidas podem fazer uma pessoa engordar até um quilo por semana!

      Pesquisadores da Universidade do Colorado, Estados Unidos, realizaram uma pesquisa com 16 adultos jovens e saudáveis, para compreender melhor como as condições de sono afetam nossa qualidade de vida.

      Esses jovens passaram duas semanas no hospital universitário, cada um em uma suíte. As suítes possuíam equipamentos para controlar os momentos de sono (luz e som). Durante esse período, os pesquisadores calcularam o nível de energia gasto por cada voluntário, medindo a quantidade de oxigênio inspirado e a quantidade de dióxido de carbono liberada.

      Metade dos participantes dormiam uma média de nove horas por dia, e a outra dormia por apenas cinco horas. Ao analisarem os efeitos dessa rotina de sono, eles concluíram que o grupo que dormia menos queimava uma média de 5% a mais de energia, mas por outro lado, consumia 6% a mais de calorias. Ou seja, não conseguia queimar toda a caloria consumida e isso contribuiu para que ganhasse mais peso.

     Essa pesquisa curiosa mostra o quanto é importante equilibrarmos o sono. Precisamos organizar nossos horários de maneira que nos permita dormir o tempo necessário para não nos prejudicarmos no peso e na saúde de forma geral.

0 Comentários